Espaço aberto para trabalho de campo de estudantes de Engenharia

Estudantes preparam forno solar.

Cresce a utilização do espaço da Unidade Zona Oeste do Clube de Engenharia para experiências de estudantes de engenharia na consolidação de projetos inovadores. Grupos de foguetes, experimentos com robótica, atividades com drones, entre outras ações, vêm reunindo universidades públicas e privadas tanto na sede social, localizada na Av. Rio Branco, centro do Rio de Janeiro, quanto na sede campestre, em Ilha de Guaratiba. Em dezembro foi a vez de um grupo de estudantes de Engenharia de Produção da Universidade Celso Lisboa (UCL) realizar trabalho de campo visando a produção de um “forno solar” (aquecido somente pela energia do sol), aplicando conceitos de Física Experimental.

Richard Maciel, professor de Física Teórica e Experimental IV, da UCL, orientou os alunos na confecção do forno: uma base de gesso cortada em formato côncavo, pintada de preto, totalmente espelhada e coberta com papel laminado. O formato faz com que a incidência de calor aumente no centro do forno, onde se encontra uma base metálica. Para provar a eficiência do experimento, os estudantes e o professor assaram pizzas, que ficaram prontas em cerca de 50 minutos. O “forno solar” chegou à temperatura de 87 graus Celsius e um relógio solar embutido mediu a passagem do tempo. Além da parceria com o Clube de Engenharia, o grupo ainda contou com o apoio do centro de treinamento profissional Top Team, que ofereceu ferramentas e materiais para a criação do forno.

William dos Santos Affonso, aluno do sexto período de Engenharia de Produção da UCL, definiu a experiência como “sensacional”. Muitas foram as razões para o entusiasmo: “Foi um experimento produtivo e dinâmico; nós mesmos fizemos tudo, do início ao fim, o que nos permitiu a aplicação de conceitos sobre o uso e a variabilidade do uso da energia solar, relacionando fatores de temperatura e tempo”.

Tudo terminou com gosto de quero mais. A expectativa é ampliar a prática de utilização dos espaços que se abrem para os investimentos em ações com novas tecnologias e projetos inovadores, em parceria com o Clube de Engenharia, com experiências que nem sempre são oferecidas aos futuros profissionais no campus universitário.

Receba nossos informes!

Cadastre seu e-mail para receber nossos informes eletrônicos.

O Clube de Engenharia não envia mensagens não solicitadas.
Skip to content