Informe 20/08/2019 – Obras paralisadas do Metrô da Gávea em debate

Uma obra que se transformou em símbolo dos problemas que resultam de grandes projetos inacabados e abandonados será tema de palestra nesta quarta-feira, no Clube de Engenharia. Promovido pela presidência, o evento Estação Gávea do Metrô: Existem riscos? Há soluções? abre o debate sobre aspectos relacionados a riscos potenciais e soluções propostas, com base em dados oficiais do atual estado da obra.

O palestrante, Tácio Mauro Pereira de Campos é professor do Departamento de Engenharia Civil e Ambiental e vice-diretor do Núcleo Interdisciplinar de Meio Ambiente da PUC-Rio, além de atuar em projetos e consultorias na área Geoambiental.

A estação da Gávea, pensada para ligar a Zona Sul à Barra, deveria ser um dos legados dos Jogos Olímpicos de 2016, parte da expansão do Metrô do Rio para os jogos. As obras da estação foram paralisadas em 2015 para priorizar o restante da linha que vai até Jardim Oceânico, passando pela Praça Nossa Senhora da Paz, Jardim de Alah, Antero de Quental e São Conrado.

Para evitar riscos aos prédios no entorno – inclusive à PUC – a cratera da estação foi inundada com 36 milhões de litros de água e, desde então, vem preocupando os moradores da área. Em 8 de agosto último o TCE determinou que o governo apresente um Plano de Emergência para a retomada das obras na estação. A palestra tem entrada gratuita.

Serviço:
Dia 21/08, amanhã, quarta-feira, das 17h30 às 20h, no 20º andar do Clube de Engenharia (Av. Rio Branco, 124 – Metrô Estação Carioca).

Receba nossos informes!

Cadastre seu e-mail para receber nossos informes eletrônicos.

O Clube de Engenharia não envia mensagens não solicitadas.
Skip to content