Saltar para o conteúdo
artigo 02/05/2012

Divisões Técnicas Especializadas (DTEs) – 2015/2017

As Divisões Técnicas correspondem ao motor do Clube de Engenharia. É através do trabalho delas que são realizados os eventos técnicos do Clube, como palestras, mesas de debates, painéis, seminários e congressos. Esses eventos podem ser promovidos por uma determinada Divisão Técnica ou podem ser promovidos em conjunto por várias Divisões Técnicas, de comum acordo.

Além disso, as Divisões Técnicas fazem estudos técnicos que podem ser encaminhados como Propostas ao Conselho Diretor do Clube e, caso aprovadas, passam a ser Resoluções do Conselho Diretor, a serem apresentadas pela Presidência do Clube às mais variadas esferas do poder público: Executivo, Legislativo e Judiciário.

Há atualmente 19 Divisões Técnicas, cada uma delas com sua Comissão Executiva, composta do Chefe, Subchefe Secretários. Cada Comissão  Executiva é eleita por um período de 2 anos pelos associados inscritos na mesma. A Comissão Executiva de cada Divisão Técnica se reune mensalmente com os sócios inscritos na Divisão para, dentro da sua área de atuação específica, planejar e organizar os eventos ou realizar estudos técnicos.

As Divisões Técnicas ficam hierarquicamente subordinadas à Diretoria Técnica do Clube. Mensalmente as Comissões Executivas se reúnem  para tratar de assuntos de interesse comum às Divisões Técnicas, tendo no mínimo um diretor do Clube.

As 19 Divisões Técnicas abrangem praticamente a totalidade dos assuntos relativos à Engenharia. Desse modo, o Clube fica a cavaleiro para opinar sobre assuntos técnicos. 

DIVISÃO TÉCNICA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (DCTEC)

Acompanha o desenvolvimento da Ciência e da Tecnologia e suas relações com os diversos setores de engenharia.

Chefe: Ricardo Khichfy

Subchefe: Clovis Augusto Nery

Secretários: Iara Maria Linhares Nagle, Luiz de Araujo Bicalho e Thomaz de Aquino Arantes

 

DIVISÃO TÉCNICA DE CONSTRUÇÃO (DCO)

Aborda as questões do setor de construção, os métodos e processos adotados e os materiais utilizados, e as novidades surgidas ultimamente.

Chefe: Luiz Carneiro de Oliveira

Subchefe: Manoel Lapa e Silva

Secretários:  Antero Jorge Parahyba, Flavio Ferreira Coutinho e Robson Luiz Gaiofatto

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ELETRÔNICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (DETI)

Abrange as áreas de eletrônica, telecomunicações e tecnologia da informação, atuando nas questões técnicas e na política tecnológica destes setores .

Chefe: Jorge Eduardo da Silva Tavares

Subchefe: Marcio Patusco Lana Lobo

Secretário: Luiz Pinto de Carvalho

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ENERGIA (DEN)

Promove estudos e debates das questões ligadas à demanda e oferta de energia e às políticas governamentais para o setor energético nacional buscando produzir subsídios para os diversos agentes ligados ao setor. No desenvolvimento de suas atividades aborda o uso eficiente e a racionalização de energia, os programas energéticos, o aproveitamento dos recursos hídricos, a utilização da energia nuclear, dos combustíveis líquidos e de fontes alternativas de energia.

Chefe: Mariano De Oliveira Moreira

Subchefe: Marco Aurelio Lemos Latge

Secretários: Antonio Gerson Ferreira de Carvalho  e  Regina Conceição Correa da S Moniz Ribeiro.

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ENGENHARIA DE SEGURANÇA (DSG)

Promove a engenharia de segurança, através de cursos, palestras, congressos, seminários, etc.., em parceria com CBERTI, SOBES-RIO, DTE's, SEARJ, MTE, ABNT – Comitê 24 e, em especial a atualização do COSCIP.

Chefe: Estellito Rangel Junior

Subchefe: Aloisio Celso de Araujo

Secretário: Jorge Luiz Alves

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ENGENHARIA DO AMBIENTE (DEA)

Compete a DEA o desempenho das atividades referentes à administração, gestão e ordenamento ambientais e ao monitoramento e mitigação de impactos ambientais, seus serviços afins e correlatos sendo que uma das principais atribuições da Engenharia Ambiental é o levantamento e redução dos danos ocasionados pelo ser humano nos meios biológicos e físicos. A criação de novos meios para combater os efeitos causados pelo ser humano é um dos objetivos dessa Divisão.

Chefe: Paulo Murat de Sousa

Secretários: Fabio da Silva Bahiense, Hugo Karam de Lima, Jose Leonel Cortez Diniz Rocha Lima, Regina Helena Cezar Maldonado  e Telma Salesa Santana da Silva

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ENGENHARIA ECONÔMICA (DEC)

Voltada para o exame dos projetos de engenharia e de investimento em geral, bem como de suas execuções, sob a ótica da Relação Benefício / Custo e de Taxas de Retorno Econômico e Social, visando otimizar seus impactos no desenvolvimento das regiões diretamente envolvidas e do País em geral.

Chefe: Katia Maria Farah Arruda

Subchefe: Francisco Antonio Viana de Carvalho

Secretários: Mario Augusto Pitangueira Borges  e  Rubens Mascarenhas da Gama

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ENGENHARIA INDUSTRIAL (DEI)

Promove debates e estudos sobre as questões industriais, em toda a área de abrangência, inclusive os aspectos de gestão, qualidade, desempenho e tecnologia industrial.

Chefe: Nilo Ruy Correa

Subchefe: Tadachi Takashina

Secretário: Ricardo de Noronha Viegas

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ENGENHARIA QUÍMICA (DTEQ)

Promove através do debate técnico-científico uma indústria química nacional forte e competitiva. Fomentar a expansão da capacidade de inovação de maneira a ampliar a competitividade do produto químico brasileiro

Chefe: Maria Alice Ibañez Duarte

Subchefe: Simon Rosental

Secretários: Pedro Igor Veillard Farias   e   Wilson Barbosa Oliveira

 

DIVISÃO TÉCNICA DE ESTRUTURAS (DES)

DTE dedicada ao estudo de métodos de projeto, técnicas de execução e comportamento das estruturas em geral, incluindo edificações, pontes, viadutos, metropolitanos, barragens, plataformas offshore, etc., com foco nas recentes realizações e no bom desempenho das construções

Chefe:  Antero Jorge Parahyba

Subchefe: Roberto Possollo Jermann

Secretários: Robson Dutra da Veiga

 

DIVISÃO TÉCNICA DE EXERCÍCIO PROFISSIONAL (DEP)

Preocupa-se com as questões dos engenheiros, arquitetos, agrônomos e geólogos, focando na oferta e demanda do mercado de trabalho, nas suas competências profissionais, áreas de atuação profissional, bem como nos níveis salariais das categorias.

Chefe: Jorge Luiz Bitencourt da Rocha

Subchefe: Fatima Sobral Fernandes

Secretário: Jose Alexandre dos Santos

 

DIVISÃO TÉCNICA DE FORMAÇÃO DO ENGENHEIRO (DFE)

Aborda as questões de formação e capacitação dos engenheiros, arquitetos, agrônomos e geólogos, os ciclos básicos, profissionais e específicos de formação, bem como as especializações associadas à oferta e demanda do mercado de trabalho.

Chefe: Fernando Jose Correa Lima Filho

Subchefe: Mathusalecio Padilha

Secretários: Jose Jorge da Silva Araujo e Ottilio Guernelli Junior

 

DIVISÃO TÉCNICA DE GEOTECNIA (DTG)

Promove junto aos associados, com a participação e apoio de entidades técnico-cientificas, meio acadêmico , órgãos governamentais e empresas de engenharia, debates, discussões, palestras técnicas e seminários abordando a geotecnia nas suas diversas áreas de atuação , sempre com o objetivo trazer benefícios para a sociedade em geral.

Chefe: Manuel de Almeida Martins

Subchefe: Ian Schumann Marques Martins

Secretários: Carlos Arai Ferdinand Jordao, Newton Dos Santos Carvalho e  Rachel Guerreiro

Basilio Costa Genzani

 

DIVISÃO TÉCNICA DE MANUTENÇÃO (DMA)

Promove através do debate de reconhecidas instituições de ensino profissionalizante, técnico e de nível superior a importância da criação de cursos e divulgação da manutenção como forma da especialização da engenharia, como também as questões de operação e manutenção dos diversos sistemas que orienta e determina o funcionamento das empresas no ramo comercial e industrial dentre outros.

Chefe: Ivanildo da Silva

Subchefe: Itamar Marques da Silva Junior

Secretário: Eduardo Augusto Nunes Feital

 

DIVISÃO TÉCNICA DE PETRÓLEO E GÁS (DPG)

Chefe: Paulo Cesar Smith Metri

Subchefe: Fernando Leite Siqueira

Secretário (s): Abilio Valerio Tozini, Affonso Paulo Gilano de Mello

 

DIVISÃO TÉCNICA DE RECURSOS HÍDRICOS E SANEAMENTO (DRHS)

Aborda assuntos ligados a saneamento ambiental, atendendo a abastecimento de água, esgotamento sanitário, coleta e tratamento de lixo além de drenagem urbana.

Chefe: Ibá dos Santos Silva

Subchefe: José Stelberto Porto Soares

Secretários: Arciley Alves Pinheiro  e  Wilson Frota e Silva

 

DIVISÃO TÉCNICA DE RECURSOS MINERAIS (DRM)

Cobre assuntos relacionados com os recursos minerais, as técnicas e processos de extração, beneficiamento e utilização, bem como as políticas setoriais e tecnológicas da área.

Chefe: Ana Maria Netto

Subchefe: Pedro Henrique Vieira Garcia

Secretários: Arthur Eduardo Diniz Gonçalves Horta, Pedro Igor Veillard Farias

 

DIVISÃO TÉCNICA DE RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS (DRNR)

Atua nas áreas da conservação e preservação dos recursos naturais renováveis e sua inter-relação entre as áreas agronômica, agrícola, florestal, hídrica, pesqueira, abastecimento e a área da ecologia.

Chefe: Jorge Luiz Paes Rios

Subchefe: Gerson Luiz Soriano Lerner

Secretário: Felipe da Costa Brasil

 

DIVISÃO TÉCNICA DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA (DTRL)

Aborda temas ligados aos diversos modos de transporte e logística, sua integração e a política setorial, a nível regional e nacional

Chefe: Uiara Martins de Carvalho

Subchefe: Fernando Luiz Cumplido Mac Dowell da Costa

Secretários: Alcebiades Fonseca, Alexandre Vacchiano de Almeida, Guilherme Fonseca Cardoso, Licinio Machado Rogerio e Vagner da Silva Oliveira

 

DIVISÃO TÉCNICA DE URBANISMO E PLANEJAMENTO REGIONAL (DUR)

Promove a discussão de temas relacionados com o desenvolvimento regional, em nível nacional, estadual e municipal no Estado do Rio de Janeiro, em especial a utilização do solo urbano e qualidade de vida nos centros urbanos.

Chefe: Duaia Vargas da Silveira

Subchefe: Affonso Augusto Canedo Netto

Secretário: Nico Saceanu