Saltar para o conteúdo
notícia 10/08/2012

Uma resposta aos desabamentos no Rio

Evento debate segurança nas edificações no Clube de Engenharia

Milton Jacob Mandelblatt, Francis Bogossian e Sergio Dias. Foto: Cecília Lorenzo
Milton Jacob Mandelblatt, Francis Bogossian e Sergio Dias.
Foto: Cecília Lorenzo

Há muito tempo vem se discutindo na cidade do Rio de Janeiro a necessidade de leis que garantam a segurança das construções e dos imóveis. Nas últimas semanas, o assunto voltou à tona com a demolição de prédios na região de Rio das Pedras. Após vistorias de Defesa Civil, estuda-se a necessidade de mais demolições no bairro.

O Clube de Engenharia, colocando-se mais uma vez na vanguarda das discussões sobre o tema, dando continuidade aos debates realizados anteriormente, promoveu na última quinta-feira o debate “Segurança nas Edificações: inspeções e certificações”. Com a presença do presidente do Instituto de Engenharia Legal (IEL), Milton Jacob Mandelblatt, e do presidente do Clube de Engenharia, Francis Bogossian, a mesa de abertura tratou da importância de medidas de prevenção. “É um passo decisivo da secretaria de urbanismo”, disse Francis sobre as novas ações na área de inspeções de edificações por parte da prefeitura. Para Milton Jacob, “a criação de instrumentos legais para impedir desastres como os que abalaram a nossa cidade no último ano é uma batalha do IEL”. O presidente do IEL se referia aos prédios que desabaram na Av. 13 de maio, no centro do Rio, em janeiro de 2012.

A palestra sobre Segurança nas Edificações ficou por conta do Secretário Municipal de Urbanismo do Rio, Sergio Dias, que classificou o problema como muito grave e considerou as soluções anteriores como “pouco objetivas, pouco cuidadosas e com pouca responsabilidade”. “A segurança depende de cada um de nós, não apenas do poder público, dos profissionais, das instituições, mas também dos moradores dessa cidade”, declarou. Sergio Dias também falou sobre as novas responsabilidades assumidas pela prefeitura. “Estamos trazendo para a prefeitura uma série de responsabilidades, os ombros ficarão mais pesados, mas estamos trabalhando em parceria com quem pode nos ajudar, entre eles o CREA, o CAU e o Clube de Engenharia”, destacou.

Em acordo com as instituições, a prefeitura elaborou uma nova lei de vistoria técnica que, segundo Sergio Dias, tramita na Comissão de Justiça da Câmara de Vereadores e será votada ainda esse ano. A criação do Centro de Cadastro de Imóveis também se coloca como mais um passo na política de prevenção de acidentes desse tipo. “O cadastro deve ser acessível a qualquer cidadão ou instituição. O registro de imóveis traz todo o histórico de um imóvel, com penhoras, quando foi construído, quais foram os donos. As modificações feitas, as obras e quem é o responsável elas também estarão lá. O que não estiver dentro da legalidade, pode ser denunciado”, explicou Sergio.

O vice-presidente do Clube de Engenharia, Manoel Lapa, foi o mediador dos debates. Ele demonstrou a satisfação por parte do Clube pela resposta que a secretaria e a prefeitura deram ao problema, encampando as propostas das entidades de engenharia e arquitetura. “Esse conjunto de medidas está atendendo às necessidades. As edificações na orla da cidade, que apresentam problema de ataques por cloretos, carbonatação, corrosão de armaduras em edifícações na orla especialmente os prédios com mais de 30 anos, construídos em concreto aparente, apresentam esse tipo de problema. Essas medidas também vão ajudar nessas questões”, declarou Lapa. Ele também afirmou que o Clube de Engenharia, em conjunto com as organizações de engenharia e arquitetura, pretende promover uma ação educativa junto aos síndicos das edificações no Rio de Janeiro.

No debate estiveram presentes Roberto Kauffmann, presidente do SINDUSCON; o vice-presidente da ADEMI, Paulo Fabbriani; Agostinho Guerreiro, presidente do CREA-RJ; Sidney Menezes, presidente do CAU/RJ; e Antero Jorge Parahyba, presidente do Conselho Diretor do IEL.

Veja abaixo algumas fotos do evento:

  • Auditório lotado. Foto: Cecília Lorenzo
  • Manoel Lapa, 1º Vice-presidente do Clube de Engenharia fala ao público. Foto: Cecília Lorenzo

COMENTÁRIOS

  • 13.08.2012 18:31
    LUIS CARVALHO
    teste
  • 13.08.2012 18:25
    WILLIANS SOUSA TESTE
    teste