Saltar para o conteúdo
notícia 26/04/2017

Visita técnica abre horizontes da energia nuclear a estudantes

Estudantes de diferentes universidades do Rio de Janeiro foram à Central Nuclear pela primeira vez. Foto: Ana Lucia Miranda
Estudantes de diferentes universidades do Rio de Janeiro foram à Central Nuclear pela primeira vez.
Foto: Ana Lucia Miranda

A grande maioria dos brasileiros não tem muito conhecimento a respeito do papel da energia nuclear em um projeto nacional: como acontece, onde é produzida, o quanto abastece, se é segura ou não. Muitas são as razões, desde as dramáticas histórias de acidentes nucleares em outros países, passando pelo tamanho silêncio a respeito do assunto até o imenso preconceito que resulta de tudo isso em relação a essa modalidade de energia. Um quadro que exige mudanças e que levou o Clube de Engenharia, através da Secretaria de Apoio ao Estudante de Engenharia (SAE), em cooperação com a Eletronuclear, a programar visitas técnicas à Central Nuclear Almirante Álvaro Alberto (CNAAA), em Angra dos Reis.

Em 14 de março, 30 estudantes das universidades Sociedade Unificada de Ensino Superior e Cultura (SUESC), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e CEFET Maracanã conheceram as diversas instalações da Central Nuclear: o Centro de Informações, a sala de controle, turbina e Centro de Treinamento de Simulações de Angra II. Além de obter muitas informações a respeito da energia nuclear no Rio, Brasil e mundo, e visualizar algumas etapas da operação da usina, eles se informaram sobre o processo de treinamento dos funcionários, que pode durar até quatro anos.

Os discentes foram acompanhados pela conselheira Ana Lúcia Moraes, que também foi pela primeira vez: "Foi uma visita espetacular. Mostrou como é a energia nuclear, como surgiu, o quanto estamos usando no Brasil". A conselheira também elogiou a segurança e a organização da equipe das usinas, e destacou a relevância desse tipo de visita técnica: "É muito importante. Se o Clube puder levar alunos diferentes a cada dois meses, assim como os conselheiros, será maravilhoso".