Em menos de uma semana o Rio de Janeiro viveu tragédias causadas por diferentes fenômenos, mas que demonstram a fragilidade do sistema de prevenção. Um casal morto no Leblon devido a um incêndio e as três mortes provocadas após uma forte de chuva trazem questões importantes a serem debatidas. Cerca de dois meses depois das chuvas que evidenciaram a falta de estrutura do distrito de Xerém, na baixada fluminense, a pauta das chuvas no Rio de Janeiro segue em evidência. O Clube de Engenharia já se posicionou formalmente junto à Prefeitura do Rio de janeiro a favor da continuação da construção do Túnel Extravasor, que é um projeto amplo, que coletará as águas excedentes dos rios Macacos, Rainha, Cabeças, Trapicheiros, Joana e Maracanã. Este projeto, iniciado nos anos 70, foi paralisado.

Para falar sobre a prevenção de tragédias causadas pela chuva e pela falta de estrutura, o telejornal Repórter Rio, da TV Brasil, entrevista o presidente do clube de engenharia, Francis Bogossian. A entrevista vai ao ar hoje, 7/03, às 12h.

Para assistir a edições anteriores do telejornal, acesse: http://tvbrasil.ebc.com.br/reporterrio

Receba nossos informes!

Cadastre seu e-mail para receber nossos informes eletrônicos.

O Clube de Engenharia não envia mensagens não solicitadas.
Skip to content