O Clube de Engenharia participa ativamente das reuniões preparatórias para a Conferência Nacional das Cidades (CNC). Uma comissão interna foi organizada na etapa municipal para formular propostas e discutir questões técnicas relacionadas ao tema central da Conferência: 'Quem muda a cidade somos nós: Reforma Urbana Já'. Entre os membros da Comissão estão os chefes das Divisões Técnicas de Transporte e Logística (DTRL), Construção Civil (DCO), Urbanismo e Planejamento Regional (DUR), Meio Ambiente (DEA), entre outras.

Na reunião do dia 17 de abril, com a participação da Diretoria Técnica do Clube e membros da comissão, o chefe da DTRL, Alcebíades Fonseca, frisou a importância da formulação de propostas que apontem soluções para o caos no transporte público. “É preciso acabar com a manipulação de tarifas, por exemplo, que estão relacionadas ao oligopólio das empresas de ônibus”, afirmou o engenheiro que trouxe à pauta reivindicações do Fórum de Mobilidade Urbana do Rio.

O Conselheiro do Clube de Engenharia, Manoel Lapa, entre outros pontos, deu ênfase aos permanentes riscos enfrentados por passageiros de ônibus na cidade, principalmente pela má qualidade e a alta velocidade que os veículos circulam. O chefe da DCO, Ricardo Khichfy, apresentou informações da maior relevância sobre diversas áreas, inclusive estruturas prediais e segurança nas edificações, temas em destaque nas intervenções. Ao abordar a importância da fiscalização, Abílio Borges, da diretoria técnica do Clube, falou sobre os materiais utilizados em construções. “Antigamente prédios populares e de áreas nobres eram construídos com a mesma estrutura; a diferença estava no acabamento. Hoje já não é mais assim, a qualidade dos materiais mudou”, afirmou Abílio.

Com a participação das diretorias técnicas o Clube segue debatendo o tema e reunindo propostas para a Conferência Nacional das Cidades (CNC).

O que é a CNC

A 5ª Conferência Nacional das Cidades ocorre de 20 a 24 de novembro em Brasília, mas os debates e o encaminhamento das propostas já começaram nas Conferências Municipais, que vão de março a junho de 2013. No Rio de Janeiro, a 5ª Conferência Municipal das Cidades, preparatória para a edição nacional do evento, será realizada de 3 de maio e 1º de junho. O objetivo da CNC é mobilizar gestores públicos e diversos segmentos da sociedade sobre assuntos relacionados ao desenvolvimento urbano. Os debates municipais e estaduais que antecedem a CNC, promovidos em todo o país, se propõem a colocar na agenda pública e política questões urbanas que sempre foram tratadas apenas no âmbito local, promovendo a formação de redes de difusão de informações sobre a função social da cidade e da propriedade. Neste processo, fortalecem o Conselho das Cidades, que age como o interlocutor das propostas aprovadas em plenárias e é formado por representantes do governo e da sociedade civil. Juntos, debatem melhorias nas cidades e na qualidade de vida dos cidadãos.

Receba nossos informes!

Cadastre seu e-mail para receber nossos informes eletrônicos.

O Clube de Engenharia não envia mensagens não solicitadas.
Skip to content