ANTT X Ministério dos Transportes: Quem traça a política nacional de transporte ferroviário?

Este ano o Brasil comemora 160 anos de construção da sua primeira ferrovia. O trânsito caótico e os investimentos em ferrovias para transporte de passageiros foram os temas centrais do debate “ANTT X Ministério dos Transportes: Quem traça a política nacional de transporte ferroviário?”, realizado, dia 4 de  abril, pela Divisão Técnica de Transporte e Logística (DTRL), com apoio do Fórum de Mobilidade Urbana. O evento discutiu, ainda, a resolução 4131/2013 da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e seus impactos na malha ferroviária brasileira. A resolução autoriza a desativação e devolução ao Poder Público de trechos ferroviários explorados pela concessionária Ferrovia Centro-Atlântica (FCA). A empresa devolverá 742 km de trechos considerados “antieconômicos” e mais 3.247 km de trechos ditos economicamente viáveis. Os trechos serão substituídos por novos traçados, baseados no que foi planejado pelo Programa Investimentos em Logística (PIL), do Governo Federal. >> Leia a matéria completa.

Veja a palestra completa:

Parte 2

Parte 3

Parte 4

Parte 5

Parte 6

 

Receba nossos informes!

Cadastre seu e-mail para receber nossos informes eletrônicos.

O Clube de Engenharia não envia mensagens não solicitadas.
Skip to content