Xadrez conquista mais adeptos no Clube de Engenharia


O hábito do xadrez no Clube de Engenharia vem se renovando: há cerca de um ano aconteceu o I Torneio Universitário de Xadrez, promovido pela Secretaria de Apoio ao Estudante de Engenharia (SAE). Após alguns encontros menores, entre jogos amistosos e simultâneas, foi possível criar uma rede de interessados na prática. O II Torneio Universitário de Xadrez, com 14 participantes, aconteceu em 5 de agosto no 23º andar do Clube de Engenharia.


Os participantes jogaram das 09h às 18h, no sistema suíço: todos jogam a primeira partida e a eliminação se sucede até restarem os três melhores jogadores. O primeiro lugar ficou com Kauan Flach, estudante de Engenharia Nuclear da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que recebeu como premiação um relógio de xadrez, utilizado para contar o tempo de cada jogador; Rafael de Oliveira, estudante de Engenharia Química da UFRJ, ficou em segundo lugar e ganhou o livro Xadrez Básico; e Alesom Zorzi, estudante de Engenharia de Sistemas e Computação, da mesma universidade, foi premiado com um jogo de xadrez pelo terceiro lugar. Os três também levaram para casa medalhas pelas vitórias.


A grande procura pelo evento, que teve as inscrições realizadas pela Internet, fez com que se optasse por utilizar um espaço livre do 23º andar, e não mais a sala situada no 19º, que não teria estrutura para tantos competidores. Jogaram estudantes, entre 15 e 23 anos de idade, do CEFET Maracanã, Universidade Veiga de Almeida (UVA) e, a grande maioria, da UFRJ. Os tabuleiros, relógios e peças utilizados foram emprestados pelo Fluminense Futebol Clube.


Para Felipe Streva Nunes, um dos organizadores, a estrutura comportaria mais jogadores, mas o torneio foi um sucesso: “O nível estava alto, tudo ficou bem organizado”. Também acompanharam o torneio o secretário executivo da SAE Luiz Fernando Taranto; o associado Plinio de Giorgi, que já participou de eventos semelhantes no Clube, assim como o estudante de Engenharia Civil Leonardo Xisto e Wallace F. Machado, da Federação de Xadrez do Rio de Janeiro (FEXERJ).

Receba nossos informes!

Cadastre seu e-mail para receber nossos informes eletrônicos.

O Clube de Engenharia não envia mensagens não solicitadas.
Skip to content